segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Encontro da P&O no Funchal

Uma vez mais dois navios de cruzeiro da P&O encontram-se na Madeira, um dos destinos preferidos desta companhia inglesa, associada ao maior grupo de cruzeiros do mundo, a Carnival. Arcadia e Oriana estão atracados ao molhe da pontinha, ambos em viagens procedentes de Southampton, porto base da P&O Cruises.Na hora da partida do Oriana não faltaram os apitos repetidos quase vezes sem conta entre os dois paquetes da P&O.

9 comentários:

Nuno Jesus disse...

Este é já o 9º encontro de navios da P&O no Porto do Funchal, pelos menos desde 1960. Assim, tivemos já as seguintes escalas simultâneas:

18/12/1996 "Canberra" e "Oriana"
31/12/1999 "Oriana" e "Arcadia"
11/4/2001 "Oriana" e "Aurora"
9/10/2001 "Oriana" e "Arcadia"
9/4/2002 "Oriana" e "Aurora"
2/11/2004 "Adonia" e "Oceana"
24/11/2006 "Oriana" e "Aurora"
23/10/2007 "Artemis" e "Oceana"

É normal que com o número crescente de navios em operação, estas situações se vão tornando cada vez mais coincidências normais. Assim tem acontecido com navios da Costa e da Aida Cruises.

Jay disse...

http://www.youtube.com/watch?v=5jwrPTYJ7ME video da troca de apitos.

Nuno Olim disse...

Excelente registo fotográfico. Parabéns

luxa disse...

A terceira fotografia bate o record
Fanática e muito em paquetes na sua hora de iluminação
ADOREI parabéns

luxa disse...

UM SANTO NATAL e um ANO NOVO cheio de movimento para nós curiosos.....
(no bom sentido)

LUIS MIGUEL CORREIA disse...

Este quadro de uma dupla da P&O na Pontinha faz-me recordar uma vez que aí fui fotografar dois paquetes dessa companhia tão apreciadora da Madeira. Fiquei doente, tratou-me uma Senhora muito simpática, Avó de um Amigo especial, que até me ofereceu umas "bananinhas soltas".
Abraço do

LMC

LUIS MIGUEL CORREIA disse...

Nuno Jesus,

A história do porto do Funchal está cheia de datas felizes. Aqui fica uma: em 31 de Dezembro de 1956, encontro dos paquetes gémeos SANTA MARIA e VERA CRUZ...

LMC

Por/By Luís Filipe Jardim disse...

É verdade! E a essas datas felizes dos navios neste ou naquele porto, associamos memórias que guardamos! E que bom que assim é! Sinal que estamos vivos e que os navios nos ajudam a recordar! Um Natal Feliz! PS: "as bananinhas soltas" fazem parte do típico prato madeirense do filhete de espada com banana. Aliás tal como em todas as quadras do ano os madeirenses gostam de saber receber os continentais!

luxa disse...

Nem me falem nesse prato....magnifico!!!
E logo o peixe espada....SONHO
Só não consegui viajar no Santa Maria! Que tristeza.....um dia irei num igual :-)